Nara Palma da Silva foi bancária por dezoito anos. Em 2000, quando suas filhas Priscila e Bruna tinham quatorze e dez anos, respectivamente, Nara estava em busca de uma atividade mais prazerosa, que lhe permitisse ter mais tempo com a família e que também proporcionasse alegria às pessoas. Por algum tempo, questionou-se em relação a qual segmento de mercado havia carência em Pelotas. Ela queria construir algo que ajudasse a elevar a autoestima feminina.

Naquela época, um supermercado da cidade estava construindo um espaço interno destinado a pequenas lojas. Ao saber dessa oportunidade, ela sentiu-se muito motivada e resolveu mudar de carreira, pedindo demissão. Foi então que surgiu a Authentical, uma rede de lojas de acessórios femininos que atualmente possui três unidades físicas e uma loja virtual. A inauguração da primeira unidade foi um sucesso. Nara tem muito viva na memória a lembrança das reações positivas das pessoas ao entrarem no supermercado e verem a loja. “A ideia inovadora foi muito bem recebida pelo público, tanto que vendemos quase todo o estoque já no primeiro dia”, lembra.

As filhas, desde pequenas, acompanhavam o trabalho da mãe e por vezes sentiam falta de sua presença, pois o banco tomava muito tempo, o que fazia Nara sentir-se culpada. Como em casa tudo sempre foi compartilhado, as filhas receberam a ideia da loja de maneira extremamente positiva, porque o negócio permitiria que a mãe fosse mais presente. O movimento natural a partir daí foi o de que as meninas passassem gradualmente a companhar a mãe em suas atividades.

“Essa foi a grande lição de empreendedorismo que nossa mãe nos deu: de que com trabalho tudo é possível, de que podemos buscar qualidade de vida através do nosso trabalho,“ afirma Bruna, que formou-se em Administração de Empresas com ênfase em Marketing, além de ter cursado MBA em gestão empresarial e vários outros cursos voltados para o mercado online. Segundo ela, o convívio com a empresa começou no escritório, contribuindo com sugestões no momento das compras, e com isso trazendo um novo perfil de público para o negócio.

Atualmente, mãe e filhas trabalham juntas, adotando um modelo de gestão baseado na divisão de tarefas: Bruna cuida do Marketing, Nara cuida do setor financeiro, enquanto Priscila (que é nutricionista e divide seu tempo de trabalho entre o consultório e a empresa) é responsável pelo RH. Segundo Nara, o sucesso de uma empresa familiar depende de alguns aspectos chave: além da divisão de atribuições, é preciso muita conversa, sinceridade e respeito. “O segredo é não parar de evoluir nunca, é entender que o aprendizado é uma busca incansável, pois uma empresa nunca está pronta. É preciso estar sempre ajustando, planejando e inovando. E quando se gosta do que se faz, o trabalho nunca cansa.”

Em 2006, foi inaugurada a loja situada na Galeria Malcon; em 2013, a loja situada no Shopping Pelotas e em 2012, a loja virtual, tendo esta exigido da família grandes esforços para inserção nessa nova modalidade de negócios. O planejamento da loja virtual foi objeto do trabalho de conclusão de curso de Bruna. Hoje, vendem para todo o Brasil. Pensando em suas trajetórias, elas avaliam que o início foi difícil, pois ainda não havia referências a seguir, e que aprenderam com os erros, o que as levou a estudar muito para manterem-se atualizadas em um mercado em constante mudança.

Antes da criação da loja virtual, Bruna trabalhou por quatro anos no atendimento. O objetivo era compreender profundamente o funcionamento com base em seu pilar mais importante: o cliente.

“A Authentical participa de momento importantes da vida do cliente, como casamentos e formatura por exemplo. Por isso o atendimento é fundamental. Nós sempre primamos pelo atendimento com acolhimento e amor, de modo que a pessoa sempre saia da loja mais feliz do que entrou”, afirma Nara.

Como mãe, Nara se orgulha ao ver o quanto as filhas são guerreiras, o quanto são persistentes e vão em busca de conhecimento. Sobre a mãe, as filhas têm uma opinião comum: “Somos como ela. Não nos lamentamos, encontramos soluções. A mãe quis mudar para ter qualidade de vida, ela nos deu esse exemplo, e hoje nós temos uma postura bem positiva diante da vida e dos desafios”.

Anúncios