Vamos conversar sobre estilo pessoal? _ Especialista explica como esse conceito pode mudar sua vida

Plights-2551274_1920or Carol Benemann

Oi, gurias! Super feliz de estar aqui com vocês!

Vamos refletir juntas sobre temas ligados a ‘Estilo Pessoal’ e ‘Vestir’. Na verdade, vamos além disso, sabe por quê? Porque Estilo Pessoal está muito mais ligado a ‘se conhecer’ do que ao ‘que se veste’. O mais importante na forma de vestir não é a roupa, mas a pessoa que está por trás da roupa. E é essa vertente em que acredito e aplico no meu trabalho como Consultora de Estilo: o autoconhecimento. Cada pessoa é única e a sua essência se reflete em tudo que faz e em todos momentos do seu dia-a-dia.

“Tem mais a ver com o pé do que com o sapato”, afirma Ilana Berenholc, referência em Consultoria de Imagem no Brasil.

De bem com o Espelho

Acredito que três fatores fundamentais constituem o Estilo Pessoal: se conhecer, se aceitar e traduzir na imagem, através das roupas, quem realmente se é.

Para isso, temos de olhar para dentro de nós. Um olhar com carinho, sem julgamentos, cheio de respeito e amor. Entender quem somos, quais são nossos gostos, que bagagem levamos das experiências vividas, como vemos tudo que acontece à nossa volta e como é esse ‘nosso’ mundo particular.

Então, convido você a parar um pouquinho e a pensar em si mesma, o foco agora é somente você. O que você gosta? O que deixa teu riso solto? Como é o seu dia-a-dia? O que realmente importa pra você? Quais sensações você quer ter na vida? Agora, reflita sobre suas respostas. Nesse momento, você está se conhecendo e, quando a gente se conhece, tem mais clareza sobre as nossas preferências e nossos valores. Respeite sua essência e, assim, se permita ser e agir da maneira que é natural para você, que te faz sentir bem consigo mesma.

Autoestima, trabalhe sempre a sua

A autoestima é o julgamento que fazemos de nós mesmas, o valor que nos atribuímos.

A tão cobiçada ‘alta autoestima’ deve deixar de ser almejada e se tornar parte real na sua vida. Mas isso só é possível através do autoconhecimento e da autoaceitação. Quando acreditamos em nós, geramos a sensação única de autoconfiança, do ‘eu posso’.

O melhor de tudo é que a autoestima pode ser desenvolvida. Sempre é tempo de explorarmos e encontrarmos o que nos faz sentir bem com a gente mesma.

Sofremos influência externa, claro, pois interagimos com tudo à nossa volta, o tempo todo. Mas a nossa percepção interna é o que realmente importa. Tudo muda, evolui e melhora quando confiamos na gente e conseguimos colocar pra fora quem somos.

Comunicação não verbal, ela chega antes

Esse processo de interação com tudo à nossa volta começa antes mesmo de falarmos uma só palavra. A nossa imagem chega antes de nos comunicarmos verbalmente. Dessa forma, o outro (mesmo que inconsciente), nesses poucos segundos, já interpretou nossos trejeitos e aparência, tirou suas conclusões e fez seu julgamento. Criou uma imagem a nosso respeito, a famosa primeira impressão.

Viu como estamos sempre nos comunicando? Refletir na nossa imagem o que queremos comunicar pro mundo se dá de forma mais fiel a nós mesmas quando nos apropriamos da nossa própria imagem. Quando tomamos as rédeas e saímos do piloto automático. Então, passamos a ter consciência de como queremos ser percebidas e interpretadas.

E o Estilo Pessoal nisso tudo? O Estilo Pessoal é isso tudo!

O Estilo é algo que é só nosso, que nos representa, porque tem coerência com nosso interior, com nossas preferências, vivências, valores e com nossas demandas. É autoconhecimento traduzido na nossa vida, inclusive, no que vestimos.

“Conheça primeiro quem você é, depois adorne-se de acordo”(Epictetus, filósofo grego).

Agora, ficou mais claro entender toda minha abordagem sobre autoconhecimento, né?Estilo, como citei antes, tem mais relação com quem somos do que com o que vestimos.

É tão bom e libertador quando a gente se apropria da gente mesma, do que nos faz sentir bem e refletimos isso na nossa imagem, conscientemente, em forma de roupas. Saber quem se é e como se vive faz toda diferença no processo de escolher o que vestir, para ter como retorno, digamos, um ‘aval’ da gente mesma, deixando pra trás aquela típica sensação de ‘não tenho nada para vestir’.

Nos vestimos para nós mesmas, pra nos sentirmos bem conosco. Sabe aquele friozinho bom na barriga, aquele sorriso que salta do seu rosto, aquela tranqüilidade de espírito? Pensou em várias situações em que essas sensações podem acontecer? É isso, exatamente isso, que você tem de sentir também quanto ao que veste. Veio de dentro!

O Estilo é dinâmico, como nós somos. Ele acompanha o nosso amadurecimento e as fases da nossa vida. É um exercício diário e para sempre! Coisa boa, né?… porque não somos estáticas: a vida anda, e nós acompanhamos esse caminho evoluindo, olhando pra frente, nos adaptando às circunstâncias. Acompanhadas sempre daquela vozinha interior só nossa, a nossa essência.

Isso nos leva a escolhas na vida mais coerentes com a gente, você mais segura para as escolhas quanto ao que vai constituir sua imagem. O que gera menos frustrações, menos agonia no vestir e assim mais amor próprio. A gente passa a se influenciar menos pelos outros, inclusive no vestir. Podemos nos inspirar, claro, mas traduzimos a inspiração para a nossa vida.

Passamos a consumir, também, com mais consciência, pois sabemos as nossas preferências. Dessa forma, teremos um guarda-roupa coerente com quem somos. Se você se enxerga em todas as peças que tem, as usa sem restrições, seu guarda-roupa fica mais versátil, ele vira seu aliado.

Então, gurias, mantra pra vida: devemos e merecemos nos sentir bem com a gente mesma. Aí o que adorna (o que vestimos) essa vida é conseqüência, uma deliciosa consequência 😉

Anúncios

Organização traz felicidade: dicas simples que podem mudar sua casa, seu trabalho e sua vida

Bianca Seyffert

Agora que as comemorações de final/início de ano já passaram, que você já celebrou suas conquistas, que já definiu suas metas, que tal incluir algumas dicas de organização nos seus objetivos para 2017? Isso ajudará a tornar sua vida mais simples, fácil e feliz!

 

Benefícios da organização

Na correria do dia-a-dia, vivemos reclamando que não temos tempo para nada, que é difícil dar conta de tantas atividades, que as tarefas se acumulam, que ficamos exaustos e com a sensação de que nunca conseguiremos ser eficientes e dar conta de tudo. Quem nunca teve essa sensação? Você sabia que a organização de espaços e ambientes pode te ajudar? Muitos podem pensar que a organização toma o nosso tempo. Ao contrário, a organização é um método lógico, prático e eficiente, que facilita a vida e gera tempo livre para outras atividades.

A bagunça nada mais é que o adiamento de decisões! A bagunça estressa porque desvia a sua atenção, tira o foco e dá a sensação que sempre tem algo a fazer, ou seja, sua mente fica sempre em alerta, causando ansiedade, cansaço mental e até físico. A bagunça da sua casa muitas vezes reflete a desordem da sua vida também. De uma forma simples e sistematizada é possível organizar espaços e ambientes, de modo que você consiga encontrar facilmente aquele documento importante, aquela blusa nova que você nem lembrava mais que tinha comprado. Você pode até economizar na lista de supermercado, pois sabe os alimentos que tem na despensa sem deixá-los vencer. Tudo isso gera bem estar! Dessa forma você vai criando a coragem necessária para tomar as decisões da sua vida. A organização é uma transformação que ocorre de dentro para fora!

Manter um ambiente organizado traz vários benefícios, melhorando inclusive a qualidade de vida. Os benefícios da organização vão muito além de se ter um lugar arrumado, até porque arrumar é diferente de organizar. Arrumar é guardar os objetos, escondê-los do campo de visão, enquanto que organizar é buscar uma solução que facilite a rotina; é usar sistemas eficientes, metodologias, e técnicas; é maximizar espaços trazendo conforto, agilidade e economia de tempo.

Além da praticidade, a organização renova a energia do ambiente, aumenta a produtividade, melhora os relacionamentos e traz satisfação pessoal.

Por onde começar?

Faça uma ronda pela casa, recolhendo todos os objetos que estiverem fora do lugar. Marque quanto tempo você vai levar. Se encontrar alguma coisa para jogar fora, descarte imediatamente, o restante guarde no lugar certo. Faça isso sempre que necessário. O objetivo é ir diminuindo a quantidade de objetos recolhidos e a frequência das rondas até que a organização vire rotina e que todos os objetos tenham o seu próprio lugar. Cada objeto deve ter o seu local pré-estabelecido, ou seja, defina locais adequados para cada coisa. Por exemplo, no hall de entrada costuma-se deixar chaves, bolsas, mochilas escolares, correspondências, etc. Providencie um porta chaves e escolha uma caixa ou porta correspondências para guardá-las. Assim, logo que entrar em casa já disponha estes objetos em seus locais adequados, não os deixando acumular em cima da mesa ou espalhados na estante. Fica mais fácil e não precisa ficar juntando depois. Outra dica: combine com todos os moradores da casa os locais de cada objeto, dessa forma, todos saberão onde colocar cada coisa e a organização vai fazendo parte do dia a dia da família.

Organize um cômodo de cada vez e faça por partes: uma gaveta, uma porta do armário, uma prateleira. Não tire todas as roupas do armário e jogue em cima da cama (provavelmente você não terá onde dormir!). A bagunça não foi criada de uma única vez, portanto faça uma parte de cada vez, divida em pequenos passos, de modo que você consiga começar e terminar.

 

Etapas da organização

Podemos dividir a organização de espaços e ambientes em 4 etapas principais: Descarte, Setorização, Organização e Manutenção.

 

DESCARTE: É o ato de “destralhar”, de passar adiante aquilo que não serve mais, que não te faz feliz, de que você não gosta, que não usa e que não tem utilidade.

Escolhido por onde começar, retire todas as peças de dentro do compartimento (prateleira/gaveta), pegue cada uma delas e separe em uma das 4 pilhas:

  • O que fica: aquilo que você vai manter;
  • Doação/Venda: o que não serve mais para você, mas pode ser útil para outra pessoa (deve estar em bom estado de conservação);
  • Conserto: aqueles itens que você quer manter, porém necessitam de algum reparo. Separe-os para mandar para lavanderia, sapataria, costureira, oficina; e
  • Lixo: itens danificados, que não têm mais conserto. Devem ser colocados no lixo.

Faça isso com todas as peças, uma a uma, decidindo qual o seu destino. Só guarde novamente o que você realmente ama e que faz você feliz! Lembre-se que estamos em constante mudança, portanto aquele vestido lindíssimo de 10 anos atrás talvez não combine mais com seu estilo, não tenha medo de fazer alguém tão linda como você já ficou nele. Liberte-se de tudo que não tem utilidade e sentido para você, com certeza poderá ser muito útil a mais alguém! Depois que já separou tudo o que não serve mais para você, dê o novo destino o mais rápido possível. Se for doar, procure uma instituição de caridade local e se puder entregue pessoalmente. Assim você poderá sentir-se realizada ajudando os outros com as coisas que estavam paradas na sua casa sem utilidade. Sinta-se feliz por proporcionar a oportunidade de outras pessoas poderem usufruir das coisas que um dia fizeram parte da sua vida.

Faça o descarte no seu tempo, se está em dúvida se determinado item deve ficar ou não, estabeleça um prazo, talvez 6 meses, para rever este item e então decidir. O descarte é um dos passos mais difíceis e precisa ser treinado. Você verá que no início é mais difícil e conforme você vai se habituando e vendo os benefícios vai ficando mais prazeroso.

 

SETORIZAÇÃO/CATEGORIZAÇÃO: Categorizar, separar e identificar cada coisa, agrupar por semelhança.

Separe os objetos por categorias, usando a lógica e o bom senso. Agrupe todos os itens com a mesma finalidade, por exemplo, todas as calças de ginástica, os materiais de papelaria, as panelas e disponha cada grupo no local mais adequado pelo uso e pela frequência.

 

ORGANIZAÇÃO: Estabelecer o local mais adequado para cada objeto.

É aqui que entra a técnica, o método, a sistemática. É definir o melhor local para guardar cada objeto, é encontrar o local certo para cada um deles. Examine a localização de cada coisa: Por que isso está aqui? Este é o melhor lugar para guardar?

Organize de acordo com o uso, objetos mais utilizados devem ficar mais disponíveis, com fácil acesso. Os de uso mais esporádico podem ser armazenados nas prateleiras mais altas ou no fundo dos armários. Organize as coisas de uma forma que faça sentido para você.

Pode-se fazer uso dos produtos organizadores, como caixas, cestas, colmeias e aramados. Estes produtos criam e definem os espaços que facilitam manter as categorias separadas e divididas.

Identifique o local de cada categoria, coloque etiquetas para visualizar o conteúdo de caixas.

Achou muito complicado? Você sabia que pode contar com a ajuda de pessoas especializadas em organização, são os Personal Organizers, eles realizam este serviço profissionalmente. Se você optar por contratar um profissional, busque informações, converse com suas amigas e se precisar conte com o blog para te ajudar.

MANUTENÇÃO: Manter a ordem estabelecida.

Nada é mais importante do que, após estar tudo categorizado e organizado, manter assim! Após a organização realizada, é preciso estabelecer o hábito de manter as coisas organizadas nos seus devidos lugares. Utilizando esta metodologia, cada objeto tem o seu lugar devidamente definido, portanto, após o uso ele deve retornar ao seu lugar de origem. É como se cada coisa tivesse a sua casinha e morasse lá. Se saiu deve voltar para casa. Manter organizado será muito mais fácil que do foi a organização.

apple-devices-1867761_1920

Mãos à obra! Agora que você já descobriu que a organização de espaços e ambientes pode favorecer a sua vida, trazendo mais tempo, satisfação pessoal e qualidade de vida, que tal colocar em prática essas dicas? Então vamos lá, mãos à obra! Comece com coisas simples, por exemplo, organizando a sua gaveta de roupas íntimas. Você verá os benefícios imediatamente, você terá muito mais prazer em abrir a gaveta e encontrar exatamente aquele lingerie para uma ocasião especial, sem perder tempo, sem se irritar por estar tudo misturado e bagunçado. É fácil! Tente! Basta começar! Vá e permita-se!

Deixe um comentário contando o que você organizou inspirado nesse post! Conte nos como foi?

Acompanhe o blog e aproveite as próximas dicas.

Acompanhe  também nossas mídias sociais:

Facebook (https://www.facebook.com/mulheresempreendedorasdosul/?fref=ts)

Grupo fechado (https://www.facebook.com/groups/mulheresempreendedorasdosul/)

LinkedIn (https://www.linkedin.com/in/blog-mulheres-empreendedoras-do-sul-722a66125)

YouTube (https://www.youtube.com/channel/UChybQSpSzMO6ZSsYrEahweQ)

Instagram (@mulheresempreendedorasdosul)

 

Dez aplicativos que vão te ajudar a ter sucesso em 2017

Não há como negar que o uso de dispositivos móveis e de aplicativos tem facilitado muito a nossa vida. E a variedade é muito grande, ajudando em tarefas das mais simples às mais complexas. Encontramos até aqueles que nos fazem lembrar de beber água. O aspecto positivo dos aplicativos é que nos dão várias possibilidades para lidar com as diferentes tarefas que acumulamos. Por isso, nossa equipe experimentou e aprovou 10 aplicativos que vão adicionar praticidade à sua vida, auxiliando você a ser mais eficiente com seus compromissos e tarefas e, assim, atingindo com mais facilidade seus objetivos. Acompanhe!

  1. RESCUE TIME

https://www.rescuetime.com/

O Rescue Time uma ótima ferramenta para controlar o seu tempo de trabalho e estipular metas para aprimorar sua produtividade. Ele também consegue analisar quanto tempo você procrastinou entre e-mails, Facebook, Twitter, entrando em sites, etc. Assim, você poderá ter noção do quanto, no final do dia, perdeu de tempo indo dar aquela olhadinha de 5 minutos no que estava acontecendo na sua timeline.

  1. EVERNOTE

https://evernote.com/intl/pt-br/

O Evernote é uma das principais ferramentas para gestão de produtividade, principalmente para quem costuma viajar ou realiza trabalhos home office. É uma espécie de bloco de notas que fica armazenado na nuvem. Porém, melhor do que um simples bloco de notas, ele permite dividir as anotações por assuntos, anexar fotos, clipes de vídeo e áudio, podendo ser acessado em qualquer computador, tablet ou smartphone.

  1. WUNDERLIST

https://www.wunderlist.com/pt/

O Wunderlist permite que você faça listas dentro de qualquer tema, como o que fazer, o que deve ser dito na reunião, quais produtos devem ser orçados, etc. Também pode encontrar listas feitas por outros usuários que podem ser úteis para seu trabalho. Você pode personalizar sua lista com marcadores, calendários e notificações. É possível acessar sua lista através de qualquer dispositivo, pois ela fica armazenada na nuvem.

  1. MOBILLS

https://www.mobills.com.br/

O Mobills é o aplicativo de controle financeiro mais bem avaliado no Brasil. Nele você cadastra suas despesas e receitas de maneira muito simples, podendo ser acessado por computadores, smartphones ou tablets. Ele divide seus gastos em um gráfico de acordo com o tipo de despesa, alerta para contas não pagas e calcula o saldo no final do mês. Você pode ainda traçar metas e organizar orçamentos, gerando relatórios fáceis de compreender.

  1. WINSTREAK

https://private.strategiccoach.com/store/products/171

Você se motiva com pequenos objetivos diários atingidos? Então o app WinStreak é uma ferramenta ótima para você. Com interface simplificada, ele convida você a inserir objetivos diários e verificar ao final do dia se conseguiu atingi-los ou não. Após essa verificação, é possível já inserir as ações a ser realizadas no dia seguinte. Pode não parecer, mas a sensação de agenda organizada e atividades em dia é muito motivante, evitando que você desperdice o recurso mais precioso que temos: o tempo!

  1. BILLS REMINDER

http://amazier.com/bills-reminder.html

Você tem dificuldade de se organizar com as datas de pagamento das suas contas, perdendo tempo por se descuidar dos vencimentos, ter que emitir segunda via de alguns boletos e até acabar pagando juros? O Bills Reminder é um aplicativo simples e prático, que traz um ambiente virtual pra organizar seu orçamento. Muito útil em tempos de crise!

  1. TODOIST

https://ptbr.todoist.com/

Não é fácil lidar com metas e tarefas pessoais e profissionais. O Todoist vai te ajudar a se organizar a partir da criação de listas de tarefas que podem ser atualizadas e acompanhadas em diversos dispositivos e até mesmo offline. Também é possível compartilhar tarefas e objetivos. O aplicativo avisa você quando um compromisso estiver próximo do limite.

  1. CAMCARD

https://www.camcard.com/

Você sempre se atrapalha para guardar e localizar cartões de visita, tendo vários “montinhos” deles em vários lugares? Com o CamCard você dispensa os cartõezinhos físicos, escaneando eles com sua câmera do celular e mantenho sempre ao alcance da mão os cartões que recebeu. Prático, não?

  1. AUDIBLE

https://www.amazon.com.br/Audible-Inc-for-Android/dp/B004GJ6BY0

O Audible é um aplicativo que potencializa seus estudos. Ele permite que você carregue consigo livros em áudio e podcasts para ouvir quando estiver no trânsito, na fila do banco ou em uma sala de espeta, por exemplo. Ele é uma ferramenta da Amazon e possui muito material em português. Também é útil para estudar línguas estrangeiras.

  1. SCRIBD

Ainda pensando em estudos e atualização profissional, o Scribd é uma plataforma com livros, textos e apresentações sobre os mais variados temas. Em seu acervo, que é alimentado pelos usuários, estão livros raros e artigos antigos, além de muito conteúdo interessa de diversas áreas. O aplicativo permite selecionar favoritos, criando uma espécie de biblioteca particular que pode ser acessada a partir de qualquer dispositivo.

Você já usa algum desses aplicativos em sua rotina? Acrescentaria algum a essa lista? Deixe seu comentário!

Esperamos ter ajudado você com essas dicas e nos vemos no próximo artigo! Até lá!

Acompanhe  nossas mídias sociais:

Facebook (https://www.facebook.com/mulheresempreendedorasdosul/?fref=ts)

Grupo fechado (https://www.facebook.com/groups/mulheresempreendedorasdosul/)

LinkedIn (https://www.linkedin.com/in/blog-mulheres-empreendedoras-do-sul-722a66125)

YouTube (https://www.youtube.com/channel/UChybQSpSzMO6ZSsYrEahweQ)

Instagram (@mulheresempreendedorasdosul)

 

Nove empreendedoras digitais que vão ensinar você a mudar sua vida

Como e por que empreendedoras digitais de sucesso podem te ensinar a mudar de vida?

Vamos refletir um pouco…

Todo Réveillon é a mesma coisa: “Ano novo, vida nova!”… é o que todos dizem. Dão sete pulinhos nas ondas, comem determinadas comidas com significado específico, usam a cor que promete saúde, prosperidade, amor, etc; além de fazerem uma série de promessas de que a partir daquele momento a vida vai ser diferente. Porém, na prática, qual é a mudança que o ano novo promove? NENHUMA! Dias depois, a maioria das pessoas já quebrou ou até mesmo esqueceu as promessas que fez, e todos os rituais praticados parecem inúteis diante da verdade: se você não muda, tudo continuará como antes.

Você sente vontade de mudar?

Quais mudanças são necessárias em sua vida?

Do que você precisa para fazer a mudança acontecer?

Mudar é difícil. Requer autoconfiança, foco e coragem; e muitas vezes as dificuldades parecem tantas que você acaba achando que deixar tudo como está é muito menos arriscado, muito mais confortável. E assim a vida segue, os dias de insatisfação viram meses, os meses viram anos, e os anos viram décadas.

Com o objetivo de ajudar você a encontrar o seu caminho, a mudar o que precisa ser mudado em seu trabalho e em sua vida, pesquisei e acompanhei durante alguns meses o trabalho de nove empreendedoras digitais. Ainda que cada uma atue em um nicho específico, todas trabalham com o mesmo “material”: o que você precisa fazer para ter a vida que quer?”. Todas elas oferecem cursos, palestras e workshops, além de disponibilizarem grande quantidade de conteúdo gratuito que certamente vão te ensinar lições valiosas para que você alcance uma vida plena.

Todas elas buscaram e buscam o que entendem ser o melhor tipo de vida para cada uma. Todas elas falam com autoridade sobre mudança de vida. Todas elas já passaram pelas dificuldades que provavelmente você também esteja vivendo. Que tal conhecer um pouco mais, aprender e se inspirar com essas empreendedoras digitais?

  1. ALANA TRAUCZYNSKI

alana-trauckzynski

Com formação em turismo e hotelaria, tendo trabalhado com marketing e relações públicas, em dado momento Alana percebeu que não podia continuar em um trabalho que não aproveitava ao máximo seus interesses e habilidades. Desenvolveu, então, o programa “Recalculando a Rota”, que tem foco em pessoas multipotenciais, ou seja, pessoas com múltiplos interesses e que, por isso, são consideradas desfocadas. Alana também é colunista em sites renomados, como o Nowmastê, o Nômades Digitais e o Entre todas as coisas. Para conhecer o trabalho dela, acesse http://recalculandoarota.com.br/ .

  1. ANA TEX

ana-tex

Ana Tex é empreendedora, palestrante e consultora em marketing digitais. È considerada atualmente a principal autoridade em novas mídias e especialista reconhecida por entender as novas tecnologias e transmiti-las de forma simples, objetiva e descomplicada. Desenvolveu cursos com foco na ampliação da audiência e do faturamento de empreendedores de diversos setores (moda, beleza, fotografia, saúde, etc.), transformando negócios comuns em negócios de alta performance. É autora dos cursos InstaNegócios, VideoTex, PersicoTex e Whatsapp para Negócios, além de disponibilizar grande quantidade de conteúdo gratuito. Para conhecer mais sobre o trabalho dela, acesse http://marketex.com.br/ .

  1. LIZANDRA ZANUTO

lizandra-zanuto

Psicóloga formada na Itália, Lizandra focou sua carreira em um nicho bem específico: é coach de separação e divórcio. Seu trabalho é voltado para mulheres que estão se separando ou que acabaram de passar por esse processo. Através do programa “Separei, e agora?”, ela propõe questões como “Você carrega lixo emocional com você?”, “Como você muda seu estado emocional?”, e “Até quando você vai se permitir viver isso?”. Seu objetivo é transformar vidas e relacionamentos. Para conhecer melhor o trabalho dela, canal no YouTube https://www.youtube.com/channel/UCvRBsUXIRb_LyJQQdXL0QEg .

  1. MELODIA MORENO

melodia-moreno

Melodia é psicóloga e atua como coach de mães empreendedoras digitais, ajudando mães que querem ao mesmo tempo ter seu próprio negócio e criar seus filhos. A partir do nascimento de filha, começou a refletir sobre o quanto a maternidade pode mudar a mulher. Então teve a ideia de criar um trabalho em que pudesse ajudar outras mulheres a empreenderem e também terem tempo para educar e curtir seus filhos. Desenvolveu programas como a “Academia de Mães Empreendedoras” e “Born to rock”, além de ter um canal no YouTube, tratando de vários assuntos de interesse para as mães empreendedoras. Para conhecer melhor o trabalho dela, acesse http://www.melodiamoreno.com/ .

  1. PAULA ABREU

paula-abreu

Paula Abreu trabalhava como advogada quando, em 2012, foi demitida. A demissão a fez pensar sobre sua vida, sobre coisas que gostava de fazer a sobre o estilo de vida que gostaria de ter. Ela resolveu então assumir sua paixão pela escrita e pelo desenvolvimento de pessoas. Nos anos seguintes, publicou os livros “Escolha sua vida”, A aventura da adoção” e “Primavera Eterna”. Paula foi a primeira empreendedora digital a fazer um lançamento online no Brasil com faturamento de mais de 7 dígitos em 7 dias, e esse é apenas um dos dados que o sucesso de seu trabalho. Faz palestras, workshops e também programas de acompanhamento voltados para a mulher que quer empreender na vida e nos negócios. Para conhecer melhor o trabalho dela, acesse http://escolhasuavida.com.br/ .

  1. PAULA QUINTÃO

paula-quintao

Paula Quintão fez doutorado em sustentabilidade, é mãe, escritora e empreendedora. É autora dos livros “Para sempre um novo eu” e “Caminhos que as estrelas me viram cruzar”,entre outros. É criadora do portal “Coragem para empreender”, além de proprietária de uma editora que publica livros cujo tema relaciona-se ao desenvolvimento pessoal. Criou a “Escola de Rumos”, programa de acompanhamento que trata de temas como autoconhecimento, empreendedorismo, escrita, mudança de vida e realização. Segundo ela, “criar rumos é ter condições para escolher nossos próprios caminhos e, mais que isso, sermos capazes de criá-los”. Para conhecer melhor o trabalho dela, acesse http://paulaquintao.com.br/ .

  1. RAFAELA CAPPAI

rafaela-cappai

Rafaela é uma artista: dança, teatro e TV, produção cultural e comunicação eram apenas algumas das áreas em que atuou. Porém, vivia em dificuldade financeira. Então resolveu dar um basta na ideia de que pessoas criativas não conseguem ganhar dinheiro. Para isso, desenvolveu um trabalho que propõe conciliar trabalho significativo e retorno financeiro, valorizando a criatividade. Como ela mesma se intitula, é uma empreendedora criativa, que propõe o uso de ferramentas, estruturas, habilidades e soluções voltadas especialmente para pessoas criativas. Trabalha por um “mundo onde ninguém tenha que abandonar o que gosta porque não dá dinheiro”. Para conhecer melhor o trabalho dela, acesse https://www.espaconave.com.br/ .

  1. RENATA WERNER

renata-werner

Renata é coach de empreendedoras. Em sua biografia, uma particularidade importante: aos 23 anos, ela teve um AVC (acidente vascular cerebral) que, segundo os médicos, iria lhe deixar com sequelas graves e irreversíveis. Este foi o momento transformador, em que decidiu tomar as rédeas de sua vida e mudar tudo o que fosse necessário viver de maneira plena. A partir de seus estudos, criou o programa Mulher Startup, no qual ajuda mulheres, através de um passo a passo, a superarem seus medos, suas crenças limitantes, suas frustrações e decepções do passado. Sua missão é proporcionar às mulheres ferramentas de autoconhecimento e empoderamento para construir um negócio online que traga significado e reconhecimento. Para conhecer melhor o trabalho dela, acesse http://www.renatawerner.com.br/.

 

  1. SILVIA PAHINS

silvia-pahins

Silvia é uma coach de empreendedoras que gosta de levar um estilo de vida nômade. Tendo morado em diversas cidades do Brasil e da Europa, resolveu criar para si um trabalho alinhado ao seu modo de viver. Ela quer ajudar a criar “um mundo em que trabalho e vida não sejam separados em caixinhas, pois tudo é vida!”. Ela defende a criação de uma vida em que haja tempo livre para estar e cuidar de quem se ama, com tempo livre para experiências ricas, profundas e completas. Em seus programas e cursos (tais como “Empreenda sua vida” e “Produtividade em ação”), trata de temas como empreendedorismo, desenvolvimento humano, comunicação, design, marketing, entre outros. Para conhecer melhor o trabalho dela, acesse http://silviapahins.com/ .

Com foco em diferentes nichos, todas essas empreendedoras digitais têm muito a contribuir para que você realize as mudanças que quer em sua vida e, com isso, atinja todo o seu potencial na vida e no trabalho.

E você? Quais mudanças vai fazer? Quais são os seus planos?

Por acreditar que 2017 será um ano de mudanças, preparamos uma série de conteúdos que também vão te ajudar a alcançar seus objetivos. Nos próximos dias, continuaremos falando sobre mudança de vida em diversos aspectos. Aguarde!

Acompanhe  nossas mídias sociais:

Facebook (https://www.facebook.com/mulheresempreendedorasdosul/?fref=ts)

Grupo fechado (https://www.facebook.com/groups/mulheresempreendedorasdosul/)

LinkedIn (https://www.linkedin.com/in/blog-mulheres-empreendedoras-do-sul-722a66125)

YouTube (https://www.youtube.com/channel/UChybQSpSzMO6ZSsYrEahweQ)

Instagram (@mulheresempreendedorasdosul)

 

Precisando de energia? alimentos (e receitas) ajudam você a ter mais disposição

Fernanda Lemões

A quantidade de trabalho, o excesso de responsabilidade e o acúmulo de compromissos te deixam cansada? Quantas vezes você se pega sem disposição para as tarefas do dia-a-dia? Quantas vezes, diante de tantas tarefas, você se sente esgotada e sem ENERGIA?

Pois saiba que você não está sozinha. Ao contrário, pesquisas divulgadas em 2013 revelam que aproximadamente 98% da população brasileira sente-se cansada e, destes, 61% sente-se muito cansada (leia mais em http://saude.ig.com.br/alimentacao-bemestar/2013-11-15/98-dos-brasileiros-estao-cansados-diz-ibope-sedentarismo-e-principal-causa.html). E como o nosso organismo precisa de ENERGIA? Da transmissão de impulsos nervosos à digestão, da contração muscular à produção de hormônios, o corpo precisa de ENERGIA para tudo. Porém, o gasto de ENERGIA não acontece de maneira equilibrada. Veja nosso infográfico:

slow-cookerthanksgiving-turkey

Fonte: Revista Mundo Estranho (http://mundoestranho.abril.com.br/ciencia/como-e-obtida-a-energia-que-faz-nosso-corpo-funcionar/)

Para além da quantidade de trabalho e responsabilidades, o cansaço, nosso companheiro quase que diário, normalmente é potencializado por alguns maus hábitos. Sedentarismo, consumo de tabaco e bebidas alcoólicas, além de escolhas alimentares erradas podem lhe prejudicar ainda mais. Por isso, e pensando especialmente na maratona que em geral temos de cumprir no final de ano, elaboramos uma lista de ALIMENTOS para deixar você mais bem disposta. Para cada ALIMENTO indicado, segue um link com sugestões de receitas.

  1. FRUTAS: As frutas contêm açúcares naturais e fibras importantes para uma boa digestão. Entre elas, destacamos a banana: rica em vitamina B e potássio, ela traz vários benefícios: (a) ajuda a manter a glicose estável; (b) possui triptofano, um aminoácido envolvido na produção de serotonina (neurotransmissor que atua como regulador do sono e do humor). Receitas no link http://www.minhavida.com.br/receitas/galerias/15313-sete-receitas-com-banana-para-incluir-na-dieta

fruits-82524_1920

2. OLEAGINOSAS: Castanha de caju, castanha do Pará, nozes, amêndoas e avelãs, as oleaginosas são pura saúde. Ricas em cálcio, potássio, ferro e magnésio (mineral que atua na conversão do açúcar em ENERGIA), também são fontes de proteína, fibras e outros nutrientes. Por isso, ajudam na redução de danos musculares e afastam as doenças típicas do envelhecimento. As oleaginosas são muito práticas para serem consumidas como lanche da tarde. Receitas no link http://www.minhavida.com.br/alimentacao/galerias/14697-saboreie-sete-receitas-que-incluem-oleaginosas

walnuts-552975_1920

3. VEGETAIS E FOLHAS ESCURAS: As folhas verdes escuras proporcionam saciedade e contribuem para regularizar o aparelho digestivo como um todo. A couve é considerada um super-alimento, pois é uma excelente fonte de cálcio, minerais e vitaminas, principalmente a vitamina B6 (conhecida como ácido fólico), que atua nas funções cerebrais. Receitas no link http://gnt.globo.com/programas/cozinha-pratica/videos/4162749.htm

top-view-1248955_1920

4. OVOS: Considerado por muito tempo como um grande vilão do cardápio saudável, foi “resgatado” como alimento saudável por alguns estudos recentes. Os ovos possuem ferro e proteínas capazes de proporcionar energia o dia inteiro. Também contém colina, o tipo de vitamina B necessária às funções cerebrais. Receitas no link http://boaforma.abril.com.br/culinaria-saudavel/12-receitas-em-que-o-ovo-e-a-estrela-principal/

egg-943413_1920

5. CHOCOLATE: Sim! Além de muito saboroso, o chocolate realmente traz um bom aporte de ENERGIA, pois contém polifenóis, que atuam como antioxidante, atuando para retardar o envelhecimento precoce e auxiliando na saúde do coração. Além disso, contém teobromina (um estimulante natural) e flavonoides (que ajudam na elevação dos níveis de oxigênio no sangue). Porém, a opção correta é pelo chocolate meio amargo, que tem menos açúcar e gordura. Receitas no link http://www.vix.com/pt/bdm/receitas/6-receitas-light-e-diet-com-chocolate-que-ainda-assim-sao-muito-gostosas

chocolate-183543_1920

Ao inserir esses ALIMENTOS e receitas em sua rotina, certamente você terá muito mais ENERGIA para dar conta de seus compromissos e viver melhor. Gostou do post? Conhece outros alimentos e receitas que ajudam a dar ENERGIA? Deixe o seu comentário!

Acompanhe-nos também em nossas mídias sociais:

Facebook (https://www.facebook.com/mulheresempreendedorasdosul/?fref=ts)

Grupo fechado (https://www.facebook.com/groups/mulheresempreendedorasdosul/)

LinkedIn (https://www.linkedin.com/in/blog-mulheres-empreendedoras-do-sul-722a66125)

YouTube (https://www.youtube.com/channel/UChybQSpSzMO6ZSsYrEahweQ)

Instagram (@mulheresempreendedorasdosul)

Porque você não faz o que quer

Louise Moscareli

De um modo geral, as pessoas vivem em conflito porque, enquanto uma parte delas vive insatisfeita, outra parte prefere se instalar na sua zona de conforto e ficar lá para sempre. Você já viveu esse conflito? Isso acontece com você?

Querer mais da vida está ligado a evoluir. A evolução, veloz ou incremental, é um elemento na natureza, na medida em que, para ela, a estagnação pode significar extinção. Tudo na natureza é dinâmico, está em desenvolvimento. Trazendo essa ideia para o nosso cotidiano, percebemos que, consequentemente, por mais estável que seja o perfil comportamental de alguém que prioriza a segurança à incerteza do novo, o desejo pela mudança sempre vai existir. O que muda, de pessoa pra pessoa, é a intensidade do medo. A força do medo é o que determina o tamanho da porção da crença de que a margem de segurança não será afetada e também vai afetar o seu esforço para fazer com que a mudança aconteça.

Na medida em que algo já foi conquistado, é característica do ser humano achar que aquilo perdeu a graça, porque, pertencendo à natureza, o ser humano está sempre em busca de algo. Ele quer evoluir, estabelecer novas conquistas e se enaltecer com elas, visando alimentar sua autoestima. Nesse ponto, a mudança passa a ser desejada e, se por algum motivo não acontece, a insatisfação se instala e as pessoas não conseguem manter o nível de alegria. Consequentemente, a motivação enfraquece e torna-se mais difícil manter a produtividade.

As pessoas percebem que precisam então sair de onde estão e promover esforços para obter aquilo que desejam, mas a areia movediça da zona de conforto está ali, presente, tentando impedir e neutralizar qualquer esforço, que possa ser feito no sentido da mudança. Como a mente já está acostumada com aquela rotina, ou ela passa a criar situações para que os outros tomem a decisão por ela e determinem a mudança na sua vida (demissão, fim do relacionamento), ou ela vai tentar sabotar seus próprios esforços de mudança, de todas as formas, começando sutilmente a adiar o novo projeto para o dia seguinte, e assim sucessivamente, a cada obstáculo que surgir. Em qualquer dessas hipóteses, possíveis erros ou problemas que eventualmente acontecem passam a ser atribuídos a quem foi delegado o poder de decidir ou ao destino, suprimindo-se a sensação de responsabilidade e de culpa pelas escolhas mal sucedidas. Em outras, palavras, a culpa é sempre do outro.

Mudança exige responsabilidade e comprometimento. Então, para manter um propósito de transformação é preciso se antecipar e driblar esses empecilhos mentais.

Se você realmente quer mudar, precisa de vontade, coragem e motivação. Se você não tiver 100% de vontade de mudar, tenha consciência de que isso não vai acontecer. Por exemplo, se você tem todas as condições para ser contratado por uma empresa fantástica, mas, no seu íntimo, 10% diz que você não aceita viajar de avião e, por algum motivo, para assinar o contrato, você precisa fazer essa viagem, esses 10% serão capazes de ganhar do seu potencial de 90% e inviabilizar a realização do seu sonho, afinal não tem como você chegar no seu destino sem entrar no avião. Não basta querer. Você tem que querer mais do que tudo, tem que querer 100%.

Para obter motivação e vencer a luta contra o poder da zona de conforto, é preciso entender como essa força atua. Além disso, é necessário também minimizar qualquer imprevisto que possa obstruir as condições ideais de realizar o seu propósito, planejando e preparando tudo com antecedência. Para isso, é necessário seguir as seguintes etapas:

FOQUE: tenha um foco claro (se você quer, por exemplo, fazer uma faculdade, ainda que a sua mente diga que você não tem tempo ou dinheiro, que não vai adiantar nada, que vai demorar pra dar resultado, decida isso e não aceite mais a opinião da sua mente. Tome a decisão apenas uma vez.);

AMPLIE: amplie esse foco para uma dimensão bem maior, como se ele não fosse o objetivo final, e sim apenas uma meta inicial de um propósito de vida muito mais elevado (fazer a faculdade não é o fim e sim a primeira etapa do que você realmente deseja: ter mais qualidade de vida no futuro; fazer concurso na área ou agregar valor aos seu trabalho atual. Por isso, vale a pena o investimento e horários mais apertados. Em outras palavras, se você não entrar no avião seu sonho não vai acontecer. Entre!);

SINTA: descubra qual o real sentido que faz você querer aquela mudança e o valor que aquilo traz pra você (ex.: quero me formar pra ser valorizado pela minha família, pra dar um futuro pro meu filho, pra comprar uma casa pra minha mãe, pra elevar minha autoestima, me sentir realizado, ajudar meu semelhante). Quando você atribui um significado ao seu sonho, nenhum obstáculo é capaz de impedi-lo.

Quando você se conecta com o que realmente faz você desejar a mudança, ela toma uma dimensão muito mais elevada e passa a ter uma força muito maior e capaz de superar qualquer adversidade. Experimente!

Mas como colocar a mudança em prática no dia-a-dia? Se a mudança que você pretende é de grande impacto em sua vida, lembre-se de que ela também é feita de pequenos passos que serão dados diariamente. Por isso, elaboramos algumas dicas para lhe ajudar a fazer esse movimento em direção aos seus objetivos. Diariamente, vamos publicar essas dicas em nosso Instagram, @mulheresempreendedorasdosul .

Acompanhe também nossas mídias sociais:

Facebook (https://www.facebook.com/mulheresempreendedorasdosul/?fref=ts)

Grupo fechado (https://www.facebook.com/groups/mulheresempreendedorasdosul/)

LinkedIn (https://www.linkedin.com/in/blog-mulheres-empreendedoras-do-sul-722a66125)

YouTube (https://www.youtube.com/channel/UChybQSpSzMO6ZSsYrEahweQ)

 

Sororidade em busca da saúde e do bem-estar: o Instituto Buquê de Amor

Sabe aquela história inspiradora?

Sabe aquela história que te faz acreditar que um mundo melhor é possível?

Sabe aquela história que te mobiliza e te deixa com vontade de também fazer algo para melhorar o mundo?

Eu conheci uma história dessas e quero te contar!

O Instituto Buquê de Amor

O Instituto de Promoção à Saúde da Mulher Buquê de Amor é uma ONG que tem por objetivo promover a prevenção ao câncer de mama, além de ajudar mulheres já diagnosticadas a enfrentar esse difícil momento da vida. O trabalho do Instituto teve início através das ações de Janice Santos, agente municipal de saúde e coordenadora do projeto, que, há pouco mais de três anos, teve a ideia de oferecer flores às mulheres durante as sessões de quimioterapia, proporcionando-lhes momentos de alegria. Para isso, recolhia flores e arranjos em festas, contando inicialmente com a ajuda de seu marido.

janice-01

Janice entregando flores a pacientes no hospital.

.

Com o passar do tempo, Janice foi percebendo que poderia ampliar seu campo de atuação, pois era necessário ajudar ainda mais essas mulheres. Assim, passou a desenvolver outras atividades na busca da saúde o do bem-estar das pacientes. Com o passar do tempo, também foi necessário transformar o projeto em uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos. Sua ideia naquele momento era passar a obter apoio de empresas e órgãos públicos.

Como funciona?

Atualmente, Janice conta com uma equipe de 20 voluntárias – algumas que tiveram câncer e outras que simplesmente se sensibilizaram pela causa e resolveram participar – que trabalham em diversas frentes. A massoterapeuta Rosângela Ramos, por exemplo, é amiga de Janice e há dois anos viveu a angústia de acompanhar sua filha em uma bateria de exames, pois havia suspeita de câncer. “Felizmente, a suspeita não se confirmou, mas a situação me fez perceber a necessidade de ajudar essas mulheres”. Rosângela é uma das voluntárias que está à disposição para receber doações na Loja Vazia de Lenços e Perucas, que estará funcionando no Shopping Pelotas até 30 de outubro. Lá também estão à venda camisetas e outros produtos que ajudam a custear as ações.

janice-03

Na Loja Vazia de Lenços e perucas também estão `à venda outros produtos cujo valor reverte para os trabalhos do Instituto.

O Instituto também busca conscientizar as mulheres sobre a necessidade de realizar mensalmente o autoexame e, periodicamente, a mamografia. Para dar mais visibilidade à luta contra o câncer de mama, vem desenvolvendo uma série de ações. Dentre ela está o Calendário das Guerreiras, no qual 12 mulheres que lutaram ou estão lutando contra o câncer atuaram como modelos. Planeja-se também para o próximo domingo, dia 23, às 10h na Praia do Laranjal, o evento II Roseando Vitória Pelotas

Leia mais sobre o Calendário das Geurreiras 2017 em  Continuar lendo

Os benefícios da sesta

Por Fernanda Lemões

O sono é um dos requisitos fundamentais para ter uma boa saúde e disposição. Porém, quando se fala em sono, normalmente se pensa em um noite de descanso sem interrupções. Não é parte da rotina da maioria das brasileiras fazer um cochilo depois do almoço.

Você sabia que essa soneca pode ser uma poderosa estratégia para se manter mais produtiva e bem disposta?

De acordo com médicos especialistas em sono, tirar um cochilo à tarde, a famosa ‘sesta’, pode ser uma boa maneira de recuperação para as pessoas que não dormem bem à noite, como também, melhorar o funcionamento cerebral como um todo.

Nós preparamos para você um infográfico com informações, dicas e até oportunidades de negócio ligadas à sesta. Aproveite esse conteúdo e, sempre que possível, reserve uns minutos para esse descanso. Seu corpo e até mesmo sua rotina agradecerão!

infografico_os-beneficios-da-sesta

Em nosso grupo fechado, apresentaremos exemplos de empresas especializadas no cochilo e que vêm ganhando espaço no mercado. Quem sabe não está aí a inspiração de negócio que você estava buscando?

Faça parte de nosso grupo fechado:

https://www.facebook.com/groups/mulheresempreendedorasdosul/

Acompanhe também nossas mídias sociais:

Facebook:

https://www.facebook.com/mulheresempreendedorasdosul/?fref=ts

Instagram:

https://www.instagram.com/mulheresempreendedorasdosul/

YouTube:

https://www.youtube.com/channel/UChybQSpSzMO6ZSsYrEahweQ